Horta_em_Casa_Pequena

Dicas para terem uma horta em casa!

Estamos cada vez mais desligados da natureza e sabemos cada vez menos sobre o que levamos para o nosso prato.  

A nossa saúde depende imenso do que comemos e a mudança que queremos a nível ambiental também está muito ligada à forma como nos alimentamos.  

No outro dia vi um artigo no Jornal do Observador, onde dizia que Portugal é o 2º país da União Europeia onde se consome mais fruta e o 4º onde se consome mais legumes, no entanto nem sempre sabemos de onde é que vêm e os processos que passam até chegarem até nós.  

E por essa razão, decidimos escrever este artigo a dar-vos algumas dicas de como podem ter a vossa própria horta em casa e saberem aquilo que estão a comer realmente. Para além disso, é uma ótima forma de conseguirem conectar-se novamente com a natureza e criar consciência alimentar. 

 

Vantagens de ter uma horta em casa

Cultivarmos os nossos próprios alimentos dá-nos uma maior proximidade com o que comemos e conecta-nos novamente à natureza. No entanto existem inúmeras vantagens que mostram a importância de termos uma horta na nossa própria casa, por mais pequena que ela seja!

 

1.Conhecemos o que estamos a comer 

Ao termos a nossa própria horta, sabemos exatamente o que estamos a comer. Quando vamos comprar este tipo de produtos ao supermercado, não vemos que por trás dos mesmos, está o uso de pesticidas e fertilizantes que para além de contaminarem os solos e a água, se forem usados em grandes quantidades podem ter consequências a longo prazo para o nosso organismo.  

Para além disso, sabem quando compram uma maçã e ela tem ótimo aspeto? Muito vermelha e brilhante? Segundo a Deco Proteste, por vezes é utilizada cera de abelha para que as frutas fiquem mais apetecíveis aos olhos do consumidor, mas isto é só um exemplo.  

Por isso quando conseguimos ter uma horta em casa é muito melhor, porque estamos a consumir produtos frescos e estamos seguros de que não foram adicionadas substâncias químicas tóxicas. 

 

2.Legumes e frutas com mais qualidade 

Posso falar por experiência própria quando digo que o sabor dos alimentos de uma horta natural, não tem nada a ver com o que compramos no supermercado. Não tenho uma em casa, por enquanto, mas a minha avó tem e desde que a pandemia começou não tenho conseguido ter acesso aos legumes e frutas da horta dela. E infelizmente tive de começar a comprar em grandes superfícies e sinto uma diferença enorme. Parece que têm um sabor diferente e não me parecem tão naturais. Parece que estou a comer outra coisa. Também têm essa sensaçãoEsta é sem dúvida uma grande vantagem de cultivarmos os nossos legumes e/ou frutas em casa e que faz toda a diferença.  

 

3.Alimentação mais saudável 

Termos uma alimentação saudável não é só comermos mais verduras e fruta. É termos em atenção à qualidade dos produtos e como são cultivados. Para além de que ao vermos a nossa própria comida a crescer e sabermos exatamente o que estamos a comer, dá-nos outro tipo de relação com nossa alimentação. 

 

4. Ter uma horta emcasa também é cuidar do ambiente 

Já pensaram em todas as etapas que os produtos passam até chegarem a nós? Para além de evitarmos pesticidas e fertilizantes químicos, ao termos uma horta caseira, evitamos embalagens desnecessárias e diminuímos a nossa pegada de carbonoNo caso deste último, recomendamos consumirem frutas e legumes portugueses. É muito importante não só para os pequenos produtores nacionaiscomo também para diminuirmos as emissões de CO2.  

 

O que precisam de saber antes de começar? 

Hortas_Caseiras_para_Iniciantes

Se nunca tiveram uma horta em casa ou não sabem nada sobre o assunto, existem algumas coisas que são muito importantes vocês saberem para que possam cuidar da vossa horta da melhor forma. E por isso, deixamos aqui algumas dicas para que possam semear os vossos alimentos facilmente.  

 

Escolher uma boa localização 

É muito importante escolherem uma zona da vossa casa que tenha luz natural, pouca exposição ao vento e que ao mesmo tempo vocês tenham fácil acessoSe viverem num apartamento, é mais do que possível terem a vossa horta, o recomendado é que fique perto de uma janela ou na marquise, virada para a zona sul, uma vez que a incidência de luz é maior, segundo a Câmara de Cascais. 

 

Selecionar recipiente para semear 

Antes de escolherem o recipiente que vão utilizar, é muito terem em atenção a profundidade das raízes das plantas e a drenagem, para que não haja desperdício de água e a mesma fique parcialmente retida no vaso. Para além disso, tenham sempre em atenção se o vaso possui furinhos no fundo para que a água em excesso escoe. Deixamos a seguir um exemplo partilhado pela Câmara de Cascais, que ilustra mais ou menos, como devem proceder. 

Hortas_em_Casa_Mind_The_Trash

Solosubstratos e condicionadores de solo 

Sabem qual é a diferença entre solo, substratos e condicionadores de solo? 

Para que as plantas cresçam de forma natural e saudável é muito importante que o solo que utilizam, seja uma mistura de diversas matérias minerais, como pedras, areia e argila e por material orgânico como a água e seres vivos. Só assim é possível fornecer todos os nutrientes que a vossa horta necessita para o seu desenvolvimento saudável. 

Em relação ao substrato, este é uma mistura de materiais que podem ser misturados com o solo de forma a torná-lo ainda mais rico. Normalmente é usada fibra de coco, casca de arroz, serradura e compostos proveniente de compostagem doméstica. Quando forem adquirir este material, tenham atenção se o mesmo é certificado para produção biológica, porque só assim é que conseguem garantir que os vossos alimentos são mesmo de origem biológica. Aqui é muito importante, perceberem com qual tipo de substrato o vosso fruto ou legume se dá melhor, por isso façam sempre uma pesquisa primeiro. 

 

Por fim temos o condicionador de solo, que segundo a Leroy Merlin é utilizado para corrigir o solo quando estes se encontram danificados ou pobres em nutrientes. Com o tempo o solo tem a tendência a perder a sua vitalidade, fica cansado, e isso impede o crescimento das raízes e consequentemente diminui a absorção de nutrientes de água por parte das plantas. Os condicionadores vão assim, dar mais textura e volume ao solo de forma a mantê-lo mais produtivo. Mas utilizem só mesmo em último caso. O mais importante é terem um bom solo e um bom substrato. 

 

Perceber o que podem cultivar 

Desde ervas aromáticas até plantar hortícolas, têm de pesquisar primeiro, o que é que as mesmas precisam. Precisam de muita exposição solar ou de vasos muito profundos? Tudo isto são questões que necessitam de ter em atenção. Deixamos aqui alguns exemplos, que a Câmara de Cascais partilhou no seu site e que achamos que vos pode ajudar neste assunto. 

 Horta_Caseira_Mind_The_Trash_03

Saber quando podem cultivar 

A natureza é feita de ciclos, e por isso antes de cultivarem alguma coisa façam sempre uma pesquisa primeiro, para perceberem qual a melhor altura para poderem semear os vossos legumes, ervas aromáticas e frutas. 

É muito importante respeitarmos o tempo que mais beneficia o crescimento dos mesmos, porque na natureza tudo tem o seu próprio ritmo. Mais à frente iremos dar algumas dicas do que podem plantar na vossa casa, mas é importante terem a noção do espaço que necessitam para cada uma delas. 

 

Fertilizar o solo 

Para que as vossas culturas possam crescer de forma saudável como todos os nutrientes que precisam, é necessário que fertilizem o seu solo pelo menos 4 vezes por ano (2 vezes para as culturas de Primavera/Verão e 2 para as de Outono/Inverno). 

Tenham em atenção o fertilizante que compram. Normalmente utiliza-se composto bem maturado e/ou adubo orgânico que possua certificação para produção biológica. A quantidade recomendada deve ser verificada na embalagem do produto. 

Nota: Um composto bem maturado é quando ocorre a decomposição microbiológica completa matéria orgânica é transformada em composto livre de toxinas, metais pesados e patógenos. 

 
 

 Quais os materiais que vão precisar?

Materiais_para_Horta

Agora que já sabem algumas dicas básicas para poderem ter a vossa horta caseira, vamos explicar alguns dos materiais que necessitam para que possam começar sem medos esta nova aventura.  Lembrem-se que podem sempre reutilizar o que têm em casa e que não precisam de comprar tudo. 

Lista de materiais:

Vasos: Podem reutilizar, caixas de ovos, garrafas PETembalagens de leite, canecas, caixotes de madeira e cultivarem o que vocês quiserem. Se procurarem no Pinterest, encontram vários DIYs para fazerem os vossos próprios vasos a partir de coisas que tenham em casa! Recomendamos, que escolham o vosso recipiente de acordo com o que decidirem plantar. 

Sementes: Mais uma coisa que podem aproveitar e que é muito provável que tenham em casa! Quando estamos a preparar as nossas refeições uma das coisas que pomos sempre de lado são as sementes, mas podem reaproveitá-las para a vossa horta em casa. Recomendamos que guardem as sementes do tomate, dos morangos, dos pimentos, dos abacates, dos frutos cítricos entre outros!  

Algumas lojas online onde podem encontrar sementes biológicas: 

 

Água: Como não podia faltar, a água é essencial para uma horta saudável. No entanto, podem aqui também reaproveitar a água de algumas tarefas diárias para a regar. Por exemplo, guardem a água fria enquanto esperam que a mesma aquece, assim não desperdiçam este recurso que é tão importante para a vida. Caso não tenham um regador, podem também usar qualquer recipiente que tenham em casa (um jarro, copo, frasco de vidro, uma garrafa de plástico que tenham em casa com furinhos na tampa, por exemplo). 

Terra e substrato: Se já tiverem em casa, recomendamos a que os utilizem. Se não podem sempre ir a lojas de bricolage que eles têm o que precisam.  

Podem ver na AgrilojaLeroy Merlin e Maxmat. 

Adubo: Sabiam que podem usar adubos caseiros? Por exemplo, se fazem compostagem doméstica, podem utilizar para fertilizar a vossa horta. Podem também aproveitaas cascas de ovos, fruta e legumes, borras de café, por exemplo. 

 

O que podem plantar em casa? 

Horta_num_Apartamento

A natureza tem o seu tempo e tem a sua própria forma de criar, e por isso, é muito importante que antes de escolhermos o que vamos plantar tenhamos em atenção os ciclos e as épocas em que podemos cultivar as frutas e/ou vegetais que mais gostamos.  

Deixamos a seguir uma lista, que consultámos no blog da EDP Portugal e que achamos que está bastante completa. Assim, já sabem o que podem plantar e em que mês. Esperamos que vos seja útil! 

Em Janeiro: Alface, alhos, ervilhas, favas, rabanetes 

Em Fevereiro: Aipo, cebola, espargos, morangos, pimentos, tomate, melão, melancia, pepino, coentros 

Em Março: Abóbora, alface, manjericão, beterraba, cebola, cenoura, couves, ervilhas, espinafres, favas, lentilhas, melão, melancia, nabiças, nabos, pepino, rabanetes, tomate 

Em Abril: Abóbora, acelgas, agrião, alface, batatas, beterraba, brócolos, cenoura, favas, feijão, melão, melancia, nabos, pimentos, rabanetes, cebola, pepino, tomate, tomilho 

Em Maio: Abóbora, agrião, alface, beterraba, brócolos, cenoura, espinafres, feijão, melão, melancia, nabos, pepino, pimentos, rabanetes, tomilho 

Em Junho e Julho:  Agrião, alface, beterraba, brócolos, cenoura, espinafres, feijão, melão, nabos, pepino 

Em Agosto: Chicória, espinafres, feijão, salsa, rabanetes, repolho, beterraba, ervilhas, espinafres 

Em Setembro: Aipo, alface, alho, cebola, cenoura, chicória, coentros, ervilhas, favas, feijão, nabos, rabanetes, salsa, tomilho 

Em Outubro: Alho, beterraba, cenoura, ervilhas, espargos, espinafres, favas, lentilhas, morangos, nabos, rabanetes, alface, cebola, tomilho 

Em Novembro: alho, alface, batata, cebola, favas, morangos 

Em Dezembro: maçãs, pêras 

 

Alguns erros que devem evitar!

Hortas_para_Iniciantes

Ao início é normal cometermos erros, uma vez que esta é uma experiência novaE por essa razão, deixamos aqui algumas das coisas que devem evitar, para começarem da melhor forma. 

 

1º Erro: Enterrar as sementes  

É muito importante que as sementes fiquem pelo menos a 0,5cm da superfície. Caso contrário, não conseguirão germinar. 
 

2º Erro:  Regar de maneira incorreta 

Quando vão regar a vossa horta é muito importante que não coloquem muita água, mas que não se esqueçam de as regar. Nesta fase é necessário que haja um equilíbrio. No entanto devem ter em atenção a temperatura e se está muito calor. A isto vai controlar a quantidade de água que devemos colocar. 
 

3ºErro: Não colocar as plantas num local com boa luminosidade natural 

Quer sejam frutos, vegetais ou ervas aromáticas, todas precisam de apanhar pelo menos 3h de sol por dia. Por isso, é que devem escolher um bom sítio, que esteja em contacto direto com o sol. 

 

4ºErro: Cultivar plantas no mesmo vaso que não se dão bem!

Aqui é muito importante fazerem uma pesquisa antes de começarem. Nem todas as plantas se dão umas com as outras, o que por vezes gera um ambiente competitivo entre elas e não de entre ajuda. Por exemplo, no mesmo vaso pode colocar a sala e o coentro e até mesmo o alecrim. 

 

Livros e páginas de Instagram e que recomendamos!

Algumas das sugestões que vamos dar já conhecíamos e outras ficámos a conhecer enquanto escrevíamos este artigo.  

 

Livros 

Uma Horta em casa

A Minha Horta é Biológica

Um Jardim Dentro de Casa

Como Cuidar da sua Horta Mês a Mês? 

 

Página de Instagram/Blogs

A Cientista Agrícola 

Hortas_Lx 

Susana Caseiro Hortas Urbanas (blog.cultivosdacaseiro)

Aldeia do Vale 

Hortaemcasa (página brasileira) 

Deixe uma resposta

Options